De João Gouveia a 2 de Fevereiro de 2007 às 13:19
Olá Pedro,
Não vou acrescentar nada ao que te vou dizer, senão partilhar contigo um poema que escrevi e, que representa o esforço que se tem de fazer para ultrapassarmos tudo o que quisermos, com felicidade.
Um grande abraço
João Gouveia

Tempo

Que clara sensação é senti-lo passar!
Que clara noção é senti-lo negar
O nosso tempo de verdade e sem medo,
Que pode vergar, que pode esquecer,
Que pode além de nós também nos dar prazer.
Basta querer tentar, tentar amar,
Tentar senti-lo de novo a cada momento,
A cada tormento.
No entanto, tempo é tempo, e sem ele nada temos,
Porque basta apostar e querer,
Para poder ter tempo,
Para poder viver...
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.